top of page
  • Hélder Abreu

Hoje faltámos às aulas!

Hoje faltámos às aulas!

Não tivemos pachorra para permanecer na escola/caserna

castradora dos sentidos.

Andámos, pela cidade, errantes.

Decerto nos terão visto de mãos dadas ou junto das árvores seculares,

onde terás desenhado algo como setas de cupido perpassando corações.

Ofertas os teus lábios assim como os frutos silvestres

e o ouro dos cabelos à brisa da tarde crepuscular.

Algures perto dali o túmulo de um velho poeta

de barba esquálida jazia nos Jerónimos.


Editado por Matilde Mala


23 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

When You’re Young

When you’re young, Everything is worth it. The parties, the shows, the poems. When you’re young, There’s time for everything. For tests, for work, for the future. When you’re young, You can’t stay on

Quando se é jovem

Quando se é jovem, Tudo vale a pena. Festa, shows e poemas. Quando se é jovem, Para tudo se arranja tempo. Provas, trabalho e futuro. Quando se é jovem, Não se pode ficar em cima do muro. Jogos, guerr

Today we skipped classes!

Today we skipped classes! We had no patience to stay in school/shed oppressor of the senses. We walked, through the city, wanderers. Surely you have seen us hand in hand or by the century trees, where

Comments


bottom of page